21 de Outubro de 2018 - Campinas/SP
Página Principal  / RAPIDÃO BRT CAMPINAS

Rapidão Campinas


As obras do Sistema BRT (Bus Rapid Transit, transporte rápido por ônibus), o Rapidão de Campinas, já estão em andamento. A entrega dos corredores finalizados está prevista para o primeiro semestre de 2020.

O Corredor Ouro Verde terá 14,6 km de extensão, partindo do Terminal Central (Viaduto Miguel Vicente Cury) e seguindo por João Jorge, Amoreiras, Piracicaba, Ruy Rodriguez e Camucim até o Terminal Vida Nova.

O Corredor Campo Grande vai totalizar 17,9 km, iniciando nas proximidades do Terminal Mercado. Ele passará próximo ao Terminal Multimodal Ramos de Azevedo (Rodoviária de Campinas) e pelo leito desativado do antigo VLT (Veículo Leve sobre Trilhos), chegando à Estação Jardim Aurélia. A partir daí, seguirá pela Avenida John Boyd Dunlop até o Terminal Itajaí.

Esses dois corredores serão interligados pelo Corredor Perimetral, de 4,1 km, que começará na futura Estação Campos Elíseos e continuará pelo leito desativado do VLT até a Vila Aurocan.




Como funcionará o Rapidão?

Os ônibus circularão em corredores exclusivos, que terão espaços para ultrapassagens entre eles, evitando as lentidões causadas pelos chamados "comboios", em que os veículos ficam enfileirados aguardando o embarque/desembarque dos da frente.

Essas faixas exclusivas que compõem os corredores serão separadas do trânsito comum pela sinalização e dispositivos delimitadores. Elas passarão rentes ao canteiro central, por isso os usuários vão entrar e sair pelo lado esquerdo dos ônibus. E farão isso no mesmo nível da calçada, facilitando o acesso de munícipes com restrições de mobilidade, idosos, gestantes e mães com crianças de colo. O BRT terá veículos obrigatoriamente acessíveis, articulados ou biarticulados.

A tarifa será paga antes de embarcar, e haverá painéis online com informações sobre as linhas.





A licitação do sistema

Campinas foi um dos municípios contemplados pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC Mobilidade Grandes Cidades), com recursos destinados à implantação de corredores exclusivos para o transporte de passageiros no padrão BRT. Finalizados os projetos básicos, em 2015, teve início a etapa da licitação, para a contratação dos projetos executivos e das obras. Inicialmente orçado em R$ 549.621.331,19, o BRT saiu ao custo de R$ 451.455.047,06.

Acesse detalhes sobre a licitação do BRT, que foi dividida em quatro lotes



Apresentações do BRT

           
Apresentação                                   Atualização agosto 2018                Atualização setembro 2018 



Fotos de obras em curso

  

 



Telefone e formulário para informações


Para mais informações sobre o BRT, ligue no Fale Conosco Emdec 118 e selecione a opção 8, ou contate a Emdec pelo 
Fale Conosco Emdec Web.




Veja mais

 Obras em andamento



Página 1 de 2

1
2

Serviços


EMDEC - Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas S/A - CNPJ 44.602.720/0001-00
Rua Dr. Salles Oliveira, 1.028, Vila Industrial, CEP 13035-270 - Campinas-SP
Fale Conosco Emdec 118


© Copyright. Melhor visualizado em 1024x768. Site homologado para navegadores: IE10, Chrome30, Firefox30 e superiores.
Interagi Tecnologia